Nome científico: Malus pumila

Provavelmente uma macieira cultivada, que se tornou silvestre. Deita uma coroa de rebentos curtos, semelhantes a espinhos. Altura máxima: 10 metros. A árvore cresce em sebes arbóreas, clareiras de bosques e matas. As pétalas cordiformes são de um rosado rico por fora e brancas por dentro com apenas laivos cor-de-rosa. Floresce em maio (hemisfério norte).

Palavras-chave: Imagem negativa de si mesmo, sensação de impureza.

Esta essência floral é para os casos que sempre existe certo sentimento de se ter sido conspurcado, por exemplo, pela doença, pela poluição, por tocar um objeto sujo ou por se lidar com material contaminado. É o "floral da limpeza". Em tais casos, existe um intenso sentimento de impureza e uma compulsão para livrar o sistema desse "veneno". Por vezes, esse impulso é tão grande que aqueles que necessitam desse remédio sentem que devem se banhar repetidas vezes por estarem convencidos de que, de algum modo, foram contaminados.

Crab Apple ajuda a nos aceitar e a aceitar as nossas imperfeições. Com este floral, as pessoas criam uma imagem positiva de si e se tornam descontraídas em relação a sua aparência e ao seu ambiente.

Afirmações positivas para praticar: 

“Impressões passam através de mim.”

“Estou sempre atento.”

“Sou um ser afortunado com qualidades individuais.”

“O meu verdadeiro cerne está em paz e é inviolável.”

Fontes:

Os 38 Florais do dr. Edward Bach.

Terapia Floral do Dr. Bach - Teoria e prática.

Os Remédios Florais do Dr. Bach Passo a Passo.

 

 

Esta página possui uma breve descrição sobre uma das essências dos Florais de Bach e não deve ser usada como meio de automedicação devido a complexidade do entendimento desta terapia e para a sua segurança física, mental e emocional.

Existem muitos profissionais habilitados a indicar os Florais de Bach, faça uma consulta antes de usar qualquer essência.